Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Qui | 19.12.13

Alemanha 2013... pela segunda vez!

Não... não morri (alívio de uns, alegria de outros). Também não me cansei do blogue (já são demasiados anos a escrever nele para o deitar fora sem mais nem menos). Simplesmente não tive tempo de voltar a escrever nele, e quando dei por mim já estava a embarcar para a Alemanha!
Uma viagem agridoce, diga-se de passagem. Podia mentir e dizer-vos o quão maravilhosa foi, mas de facto, não foi bem assim. O espectáculo que lá fui fazer não esteve à altura que eu esperava. Passei mal com o frio (isso sim, já era de esperar). Trabalhei dez horas por dia, na rua. E como se não bastasse, o meu patrão era dos homens mais estúpidos e nojentos que já conheci ( neste ramo, não é dificil conhecer uns quantos... mas este bateu todos aos pontos). Tudo situações que prefiro deixar para trás na minha cabeça, relembrando as pessoas que conheci (os meus divertidíssimos colegas) a vila de Sankt Wendell que por 11 dias foi a minha casa, a neve com que brinquei, os animais que fizeram parte do espectáculo e aos quais me afeiçoei (não falo de cães, nem gatos... mas sim de camelos, ovelhas, e até mesmo renas), e a presença do João, que foi lá ter para "sofrer" comigo. 
 
Mas como de tudo se consegue tirar lições e bons momentos, aqui ficam algumas fotos de pessoas, animais e momentos que valeram a pena :)
 
Está a nevar!

 

Os meus reis (magos)

 

Amizade e amor

 

O melhor do Mundo

 

Malenki, a rena... a companheira, a que deixa mais saudades
Sankt Wendell bridge

 

Holy (fucking) family com Mogly, um dos camelos
Manhã branca