Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Sab | 06.11.10

...

Sinto-me cada vez mais frustrada... eu mato-me, esfolo-me, dou tudo de mim todos os dias, dou a minha saúde, o meu tempo livre, a minha energia, as minhas horas de sono, a minha vida pessoal... e sinto que quanto mais dou, menos tenho.
Não estou a dançar melhor, muito pelo contrário. Sinto que estou a prejudicar o hip hop com os estilos que aprendo na faculdade, e sinto que estou a prejudicar a faculdade com o tempo que dedico ao hip hop. Era suposto sentir-me versátil, forte... mas sinto-me apenas como uma pessoa com um "cheirinho" de cada estilo, e fraca em todos no geral.
 
Não pretendo que me batam palmas ou me construam uma estátua por todos os esforços e sacrifícios que ando a fazer, nem pretendo fazer-me de coitadinha e queixar-me... só gostava realmente que começassem a reconhecer o que faço e a dar valor ao que sou.
É que se não estou a conseguir que o façam, é porque realmente não está a dar frutos e é melhor começar a repensar a minha carreira profissional/artística ou whatever.
 
A Bulota um dia disse que quando estivermos tristes, olharmos para o céu e procurarmos a estrela mais brilhante, porque é a estrela dos MG.
Posso faze-lo mas, de momento, não sinto que me pertença.
Preciso de MIL energias para voltar a brilhar na Dança... porque quando me entreguei á sua aprendizagem, acho que me fui esquecendo de trabalhar a sua essência.