Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Sab | 31.12.11

New Year coming soon



Sinceramente, quanto mais passam os anos mais nostálgica me sinto. Não sei se é o peso da responsabilidade a aumentar, se é o facto de estar cada vez mais velha, mas ano após ano custa-me mais escrever um "feedback", porque se o escrever torna-se mais oficial e real para mim do que uma simples retrospecção feita mentalmente.
No início deste ano, escrevi que a palavra-chave de 2011 seria "Acção". Acho que a profetizei um bocado, porque acabei por me guiar por ela, e talvez em alguns momentos a tenha levado demasiado à letra, mas de facto caso não tivesse tido essa palavra como Guia, ainda me encontraria à deriva em variadas situações.

Este ano, apesar de bastante revelador, foi dos mais dificeis que já tive:

* Chumbei no meu primeiro exame de código e de condução, em duas situações extremamente frustrantes que me trouxeram alguma insegurança na estrada;
* Passei o segundo semestre de faculdade super desmotivada,o que me levou quase à ruptura e a desistir;
* Quando finalmente chegaram as férias e fui para Albufeira com os meus meninos, perdi a carteira e 200 euros no primeiro dia; o carro teve um furo gravíssimo na vinda para cá, que só não nos causou um acidente porque o condutor tinha um enorme controlo no carro;
* Eu e o meu Grupo perdemos uma grande mulher, mãe e amiga em cima de um dos palcos que mais gostamos de pisar, bem à frente dos nossos olhos. Foi uma grande facada do destino, e conseguiu piorar quando tivémos um susto horrivelmente idêntico na actuação que tentámos fazer umas semanas depois. Por momentos pensei que também tinha perdido a minha melhor amiga;
* A Tambor teve uma pneumonia e descobriram-lhe uma pedra na uretra, o que me custou noites de preocupação sem dormir, massacres à pobre bicha para lhe conseguir dar os antibióticos, que me deu de presente uns quantos arranhões e mordidelas, e também vários Euros e horas no veterinário.
* Tive um colapso nervoso, que se resumiu a alguns ataques de pânico, tremores incontroláveis nas mãos e pernas, umas quantas consultas e uma semana em casa.
* Assim que recuperei dessa situação, enfiei-me noutra ao torcer o pé na avaliação de Ballet. Teimosa, recusei-me a parar mais tempo e continuei a fazer as aulas carregada de analgésicos, até que após uma consulta me disseram que tinha o arco plantar e os seus respectivos 3 ossos fora do sitio. Resultado: mais duas semanas sem poder fazer aulas nem treinar (supostamente).

Tuff times...

Bom... mas como nem tudo é mau, 2011 trouxe-me também excelentes momentos:

* Fiz a minha primeira tatuagem, carregada de significado :) É lindaaa, e continuo apaixonada por ela!;
* Fui convocada a Campeonato no meu primeiro ano de Séniores :) ;
* Acabei por conseguir tirar a Carta, o que foi um GRANDE alívio e um enorme orgulho;
* Aprendi imensos novos estilos de Dança na faculdade, que me alargaram os horizontes e me trouxeram uma nova perspectiva em relação à Dança no seu geral (apaixonei-me ainda mais por ela);
* Competi pela primeira vez em Madrid;
* Fiz três Mostras de Dança na FMH, e em cada uma me notei mais e mais versátil, mais e mais confiante e cada vez mais e mais evoluída. Prod of myself! Já para não falar da coreografia que fiz para o meu trabalho final de Composição Coreográfica, com o Sérgio, dedicada à minha Madrinha. Já há muito que a queria fazer, e o feedback foi óptimo :') ;
* Apesar de ter começado super mal e quase ter acabado em desgraça, tive um GRANDE início de férias com as melhores pessoas do Mundo :'D Albufeira já é o nosso ritual «3 ;
* Os MGBOOS foram ao programa "Agora é que conta" e ganharam uma quantia enorme de dinheiro para a Associação. Somos lindos!;
* Andei de KART pela primeira vez com o namorado, imagine-se... em Fátima! Depois de ir meter uma velinha para que o ano melhorasse para todos (right...);
* Apesar do enorme susto na actuação do Avante, foi a primeira vez que lá dormi com o pessoal e senti-me um autêntico bicho do mato xD;
* Tracei a capa, assumi o titulo de Veterana, praxei os novos caloiros e finalmente TRAJEI com orgulho na Melhor Faculdade do Mundo, com o novo título de MADRINHA do melhor afilhado ;
* Fui STAFF do Seminário Internacional de Dança, e este trouxe-me aos ouvidos a Organização internacional SIDD, da qual posso vir a ser membro... notícias em 2012!
* Os MGBOOS voltaram à carga, recarregaram energias e emoções e fizeram um grande espectáculo para mais de 600 pessoas, intitulado "FREEDOM". Foi das melhores "recompensas de suor" que já tive, foi lindo, foi mágico e foi, como diz o titulo, a nossa libertação de tudo o que este ano nos trouxe de negativo.


Fazendo um balanço, penso que a ACÇÃO me levou a ter coragem para chegar até ao dia de hoje, véspera de Ano Novo e dizer com optimismo que 2012 vai ser um GRANDE e MELHOR ano! ;)
"Fall down seven times, stand up eight"

Obrigado a todos aqueles que, de algum modo, fizeram parte da minha vida este ano.
Que em 2012 a vida sorria tanto aos que me fizeram rir, como aos que me fizeram chorar. E ainda mais áqueles que me deram a provar dos dois "sabores" ;)
Bem... e não poderia acabar o típico testamento sem uma nova palavra-chave (agora até tenho medo de a escolher, mas cá vai): CONCRETIZAÇÃO
E para o ano, veremos quão profeta fui desta vez :P
FELIZ 2012!!