Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Sex | 11.04.14

Daqueles dias de tudo um pouco

Quem não tem daqueles dias que vão do bom ao mau (e vice versa), da pura energia ao puro cansaço, de momentos de alegria a momentos menos bons, da tranquilidade ao mega stress, etc..? Nem sempre tanta instabilidade emocional num espaço de horas tao curto é saudável, mas há dias em que não há como fugir a isso.
Ontem foi um desses dias. Um dia que começou às 7h da manha e terminou na madrugada seguinte. Um dia que começou no dentista, que passou pelos estúdio Nova Imagem para a gravação de um anúncio do Rock in Rio e que terminou no Centro Cultural de Belém com as minhas colegas de Faculdade.
No meio destes tres "major events" do dia, houve também muitas dores de dentes, porque apertar o aparelho tem o seu quê de lixado; um stresse descomunal por chegar atrasada as gravações; o puro do divertimento nesse trabalho.. E muito cansaço com o passar das horas entre os milhares de gritos de "Ação!" e "Corta!"; desilusao e tristeza pelo comportanento de certas pessoas num certo assunto que não acho de bom tom falar aqui; uma tranquilidade regeneradora ao beber um cafe com o meu pai no Starbucks, ja de noite, antes do "programa" seguinte ; e um misto de cansaço, dores de costas e divertimento causado pelo espetáculo dos Stomp no CCB (do qual falarei detalhadamente num post a parte), o qual assisti EM PÉ e com a obrigação de tirar apontamentos (no escuro) para a cadeira de "Crítica de Dança".
Foi de facto daqueles dias de tudo um pouco. Daqueles que pensaria duas vezes em repetir. Por vezes nao sao os acontecimemtos que ditam um dia, mas sim com que intensidade os vivemos. E eu, meus amigos, levo tudo tao a peito que este dia "de tudo um pouco" tornou-se num dia "de tudo em grande". Resta saber se com tanta "grandeza" ganho experiencias unicas de vida.. Ou uma ulcera nervosa!