Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Ter | 29.04.14

O teu... o nosso dia

 

Já passaram tantos anos e não consigo passar um único dia sem me lembrar de ti. Sem me lembrar de quantas danças dancei sem ti. De quantos palcos pisei sem ti. De quantos momentos vivi sem ti. Bem cá no fundo, acredito que estejas a ver-me de algum lado. Tenho de acreditar, caso contrário dou em louca. Respiraste dança toda a vida e eu fui-te seguindo os passos, alimentando sonhos, planeando caminhos, sempre ao teu lado.

Acontece que, um certo dia, deixaste de existir. E eu tive de me focar em continuar sozinha. Não tem sido fácil. 7 anos depois, continuo a procurar por ti, bem no fundo da minha alma. Sei que resides algures. É a ti que vou buscar as forças que muitas vezes me faltam. (Tens noção em que "mundo" me deixaste? Socorro!)

Madrinha, tenho tantas saudades tuas. Cada ano que passa, custa mais escrever este "post" da praxe.. Parece que se torna cada vez mais real o facto de tu não voltares. Mas quero continuar a fazê-lo, porque mais do que ninguém, mereces.

Como sempre, este dia é agridoce para mim. Dia Mundial da Dança, e portanto dia que em parte é meu e que me enche de orgulho... e por outro lado, o teu aniversário, que já celebro sem ti há uns tempos... o que me deixa profundamente triste.

 

Tentando-me focar no positivo: PARABÉNS minha querida madrinha. Já não contas os anos, mas quero continuar a felicitar-te, por aquilo que foste em vida, pela tua doçura, pela tua amizade, pelo teu sorriso, pela pessoa positiva que te mantiveste, ainda que doente. És o meu maior orgulho, e espero poder vir um dia a saber que também fui um dos teus (tenho feito por isso). Até lá, agradeço-te por seres a estrela que me orienta aqui por estes lados, ainda que silenciosamente.

 

Mais uma vez, PARABÉNS madrinha bailarina <3 De facto, só podias ter sido feita para nascer neste dia.

Amo-te <3

Tenho tantas saudades tuas *