Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Palavra de Bailarina

Para além de dançar o Mundo, gosto de escrevê-lo

Qui | 05.07.18

O espetáculo "Pocahontas de outras histórias"

Palavra de Bailarina
Já foi no passado dia 8 e 9 de Junho que eu e os meus alunos (92 no total) voltámos a pisar o palco do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo. Todos os anos me sinto nervosa, cansada mas cheia de entusiasmo e adrenalina... este ano acrescia o medo, o cansaço duplo e a tristeza de ser a "despedida" de alguns dos meus alunos mais velhos. Disse para mim mesma milhares de vezes: "Foca-te no presente". É uma dificuldade da malta do signo caranguejo, o de manter a cabeça no presente. Mas (...)
Seg | 26.03.18

OOTD - Monkey Urban Wear

Palavra de Bailarina
Danço Hip Hop há bastantes anos. O que começou por ser um hobbie, rapidamente se tornou numa paixão e, num momento de insanidade e intuição, resolvi que seria a minha profissão, juntamente com os restantes estilos de dança que fossem surgindo pelo meu percurso. Hoje em dia é o meu trabalho a full time, e acho que tenho um "problema" em comum com quem "partilha" comigo esta área de trabalho e/ou interesse: encontrar roupa que me encha as medidas para dançar, com qualidade e sem (...)
Qui | 15.02.18

Viva o desporto (e as cenas giras para o fazer!)

Palavra de Bailarina
Sou um pouco suspeita para falar, mas dada a minha profissão, adoro roupa, acessórias e principalmente calçado de desporto. Há uns anos atrás a malta que tinha de "trajar" de forma desportiva todos os dias não tinha a mesma sorte que temos agora... agora f-i-n-a-l-m-e-n-t-e as marcas começaram apostar na moda para o desporto e a competitividade entre elas trouxe alguns preços mais acessíveis (alguns, leram bem) e muita, muita, muita variedade. Mesmo para a dança em concreto, já (...)
Ter | 05.12.17

Sobre o Lançamento do meu segundo livro

Palavra de Bailarina
Passadas estas duas semanas de pura loucura (e começo a achar que, se pesquisar, "loucura" será a palavra mais utilizada neste blog) posso finalmente respirar um pouco e vir cá dizer-vos que o lançamento do livro "Mica traquina e a nova amiga bailarina" foi este Sábado que passou. Contou com cerca de 200 pessoas (para quem se pergunta, para o lançamento de um livro infantil, a meu ver, é só extraordinário) e rebentou com as costuras do auditório da Biblioteca Municipal Bento de (...)
Sab | 21.10.17

Ser professor que pensa fora da caixa (um desabafo com verdade)

Palavra de Bailarina
Há medida que vamos crescendo e, por acaso, nos tornamos professores (seja do ensino regular, seja como no meu específico caso, de dança) vamos fazendo involuntariamente uma retrospetiva de como foram (ou quem foram) os nossos professores no passado. Há medida que nos vão ensinando sobre pedagogias específicas, que vamos aprendendo um pouco mais de psicologia ou interiorizando estratégias de ensino-aprendizagem, começamos inevitavelmente a pensar “quem era bom professor e quem (...)